Castro de Nossa Senhora d'Assunção

Sítios Arqueológicos

Este castro, juntamente com muitos outros na região, sobreviveu ao passar dos séculos, às intempéries e à mão humana, para chegar aos nossos dias como forte testemunho do povoamento do local pelos nossos antepassados. Aqui no cimo, no lugar de Castro, freguesia de Barbeita, encontramos este cabeço florestado com alguns afloramentos graníticos, situado a cerca de 268 metros de altitude. Trata-se de um castro parcialmente escavado, datado do século V a.C. ao século I d.C.. A sua designação advém da proximidade a uma pequena ermida dedicada a Nossa Senhora da Assunção, edificada no século XVI, perto da qual foram encontradas algumas gravuras rupestres. Antigamente, este castro – juntamente com outros castros ribeirinhos, como o de Nossa Senhora da Graça –, controlavam o curso do rio Minho e dos seus afluentes. Hoje em dia, restam indícios de construções circulares e rectangulares, que formariam a acrópole do povoado castrejo, defendido por três linhas de muralhas. Algumas destas construções vão surpreendê-lo pelo seu bom estado de conservação, não sendo difícil imaginar as casas em pé, rodeadas por romanos que aqui faziam peças de cerâmica, armas em ferro e bronze e mós para moer os cereais… Não deixe também de admirar a bela paisagem que este castro proporciona, nomeadamente sobre o Vale do Minho e sobre o rio Mouro.
Contactos

Monção (Viana do Castelo)

42,058401, -8,408564