De uma rede exemplar de apoio institucional e financeiro ao investimento empresarial


Uma eficaz rede institucional de apoio à competitividade do Alto Minho

Constituída pela CIM Alto Minho, IPVC (Instituto Politécnico de Viana do Castelo), CEVAL (Confederação Empresarial do Alto Minho), In.Cubo (Incubadora de Iniciativas Empresariais Inovadoras), ADRIL (Associação de Desenvolvimento Rural Integrado do Vale do Lima) e ADRIMINHO (Associação de Desenvolvimento Rural Integrado do Vale do Minho), esta rede tem por objetivo dinamizar, de forma integrada, uma plataforma mobilizadora de recursos, pessoas, agentes e ideias, que promova o espírito e a cultura empreendedora no Alto Minho e que contribua para facilitar o processo de criação e acompanhamento de iniciativas de natureza empresarial na região.


CIM Alto Minho

Rua Bernardo Abrunhosa, n.º 105

4900-309 Viana do Castelo

T (+351) 258 800 200

F (+351) 258 800 220

E geral@cim-altominho.pt

S www.cim-altominho.pt


IPVC

Praça General Barbosa

4900-347 Viana do Castelo

T (+351) 258 809 610

Tlm (+351) 965 919 650

F (+351) 258 829 065

E geral@ipvc.pt

S www.ipvc.pt


CEVAL

CAE – Centro de Apoio às Empresas

Parque de Atividades de Cerveira – Zona Industrial de Cerveira – Pólo II

4920-013 – Campos – Vila Nova de Cerveira

T (+351) 251 700 010

Tlm (+351) 967 602 348

F (+351) 251 700 019

E geral@ceval.pt

S www.ceval.pt


In.Cubo

Passos - Guilhadeses

4970-786 Arcos de Valdevez

T (+351) 258 510 050

F (+351) 258 510 051

E info@incubo.eu

S www.incubo.eu


ADRIL

Praça da República

4990-062 Ponte de Lima

T (+351) 258 900 600

F (+351) 258 900 609

E info@adril.pt


ADRIMINHO

Av. Miguel Dantas, nº 69

4930 -678 Valença

T (+351) 251 825 811/2

F (+351) 251 825 620

E geral@adriminho.pt /adriminho@mail.telepac.pt


 


Um sistema de incentivos ao investimento empresarial multissetorial e com elevadas taxas de comparticipação pública

- O Alto Minho integra o “Objetivo Convergência” nas Políticas de Coesão da União Europeia, permitindo que os projetos empresariais obtenham as mais elevadas taxas de cofinanciamento através de fundos comunitários;

- O Alto Minho dispõe de diversos instrumentos de financiamento locais, regionais e setoriais para iniciativas empresariais de diferentes âmbitos;

- Em grande parte dos municípios do Alto Minho há ainda a possibilidade dos investidores usufruírem de benefícios fiscais, tais como isenção de pagamento da derrama autárquica, isenções ou reduções de taxas e licenças e uma maior celeridade no processo de licenciamento, visando a atração e simplificação da instalação de empresas nas áreas de acolhimento empresarial.


Para mais informações consulte o Guia do Investidor em Portugal no site da AICEP www.portugalglobal.pt.